O que rolou em 2011: TV

Na grande maioria das vezes a nossa amiga televisão não tem nada que preste em toda sua grade de programação. Mas algumas (raras) vezes temos coisas realmente boas saindo da telinha na nossa sala. Hora de lembrar o que aconteceu no ano que marcou o aparelhinho que nos causa tanta frustração, mas que também nos dá ótimos momentos.

GAME OF THRONES. Essa série, que pra mim é a melhor a estrear nesse ano, é sobre o que comentarei primeiro.

Genial. Incrível. Épica. Essas são as palavras que uso pra descrever essa série da qual me tornei fã, e que me fez comprar o livro que deu origem a ela, A Guerra dos Tronos. Nela temos ótimas atuações, um ótimo roteiro e respeito com a obra original. É simplesmente impecável. Se você ainda não assistiu, recomendo que comece o mais rápido possível, pois ela é muito legal.

Tivemos algumas estreias bem hypadas esse ano, como Terra Nova e Person of Interest. A primeira produzida por Spielberg, a segunda por J. J. Abrams (de Lost).

Terra Nova teve um piloto bem legal, embora apresentasse alguns clichês. Infelizmente não continuei acompanhando a série pra falar mais.

Person of Interest é um show. Seguindo o esquema “caso da semana”, ela conta com bons atores como protagonistas, uma trama legal, e até um pouco de ação.

Tivemos a saída de Charlie Sheen de Two and a Half Men, e sua substituição por Ashton Kutcher. Teve sim uma pequena queda na qualidade da série, mas ela continua muito boa. O personagem de Ashton é praticamente uma criança, sendo muito chato e com situações forçadas às vezes, mas não é de todo mal. Ruim mesmo é a nova abertura.

Falando de polêmicas na TV, esse ano teve uma bem grande e Made in Brazil ainda: a saída de Rafinha Bastos do CQC pelo que eu considero uma grande besteira.

Vale comentar também sobre o programa apresentado por Danilo Gentili (também ex-integrante do CQC) que estreou em junho desse ano, o Agora é Tarde. Ele é muito engraçado, e atualmente está melhor que o outro programa da Band que ele fazia parte.

A TV teve nesse ano, como sempre, seus altos e baixos. E, embora eu não a assista tanto quanto eu assistia, ainda é uma grande plataforma de entretenimento. Agora ficamos no aguardo de todas as porcarias do que pode pintar de bom nela em 2012.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s