Harry Potter: A série de filmes

Da mesma forma que eu abordei aqui, a série de livros de Harry Potter como um todo, nesse texto irei abordar a série de filmes.
Como eu falei no texto sobre os livros, eu conheci Harry Potter através do primeiro filme, A Pedra Filosofal, em 2001, quando tinha uns cinco anos. Eu vi assim que saiu em VHS, por indicação de um primo mais velho que havia visto o filme no cinema.
E caramba, eu gostei muito, e virei fã. Depois eu via cada filme que lançava (já em DVDs), e me profundava cada vez mais nesse universo. E desde o quinto filme (A Ordem da Fênix), que foi lançado em 2007, eu comecei a “tradição” de assistir todos no cinema, um pouco antes da estreia (não ia na estreia por que era bem cheio e quase impossível de se conseguir o ingresso. Engraçado, hoje tenho vontade de ir).
Poxa, como o parágrafo acima ficou grande! Mas voltando ao assunto dos filmes, eles fizeram um sucesso imenso, e acho que começaram essa onda de adaptações cinematográficas de livros.
Bem, vou falar dos pontos negativos dos filmes no começo, pro resto do texto ser só elogios. Não são muitos, é simplesmente que muita coisa dos livros não vai parar nos filmes. Eu sei que não dá pra colocar tudo de um livro em filme de duas horas, mas é só disso que tenho a reclamar.
Aliás, eu acho todos os filmes muito bons, mas o único que me decepciona um pouco é O Enigma do Príncipe. Não sei se é por que eu já tinha lido o livro antes de assistir o filme, mas muita coisa ficou de fora dele. Eu esperava ver uma das memórias que eu mais gostei de Voldemort quando li os livros, e infelizmente ela não estava lá. Na verdade, tinha muito poucas, pelo que lembro. E claro, houve um descaso com o Príncipe Mestiço no filme.
E pra você ver a importância dessa série na atualidade, eu estou redigindo este texto no Word 2010, e ele aceita a palavra “Voldemort”, não corrige como se fosse errada.
Uma coisa que eu gosto muito nos filmes são os efeitos especiais. Cada criatura fantástica, cada cena mágica que Rowling cria, está muito bem representada neles.
Outra grande sacada, é que todo o elenco é formado apenas por britânicos (isso foi uma exigência da Rowling). E ele é muito bom, seja nos atores muito famosos, como Gary Oldman e Helena Bonham Carter (é isso mesmo, a mulher do Tim Burton), ou nos até então desconhecidos, como o trio principal, formado por Emma Watson, Rupert Grint e Daniel Radcliffe.
Essa é uma série de filmes que conquistou milhões de fãs, e eles são tão bons quanto os livros, dando um show de como adaptar uma obra literária pra um filme. Se você nunca assistiu nenhum, assista, eu recomendo bastante. Posso garantir que a mesma magia cativante dos livros está presente nos filmes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s